• Eventos.
  • Imprensa.
  • Fale Conosco.

Imprensa

Títulos de renda fixa de longo prazo têm os maiores ganhos de 2018

Os títulos públicos de longo prazo proporcionaram aos investidores as melhores rentabilidades de 2018. De acordo com o Boletim de Renda Fixa da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), os indicadores do IMA (Índice de Mercado ANBIMA) que refletem títulos com vencimentos maiores se destacaram no ano: é o caso do IMA-B5+, que acompanha carteiras de NTN-Bs com vencimentos acima de cinco anos, que teve retorno de 15,4%; e do IRF-M1+, que indica a variação dos títulos prefixados com prazos acima de um ano, com 12,3%. O IMA Geral, que reproduz a variação média dos papéis públicos em mercado, acumulou em 2018 retorno de 10%, contra 12,8% em 2017.

Os títulos de prazos menores, representados pelo IMA-B5, que reproduz as carteiras de NTN-Bs até cinco anos, e pelo IRF-M1, que reflete os títulos prefixados de até um ano, apresentaram ganhos de 9,9% e de 7%, respectivamente. Já o IMA-S, subíndice que agrega o menor risco ao acompanhar as Letras Financeiras do Tesouro em mercado, teve a variação mais baixa do ano, de 6,4%.

“Tivemos sucessivos períodos de incertezas no ano passado: internos, como as eleições e a greve dos caminhoneiros, e externos, como as crises em países emergentes e as dúvidas relacionadas às economias dos Estados Unidos e da China. Esses fatores trouxeram mais volatilidade aos preços dos ativos, comprovada pelas variações dos índices em 2018”, afirma Hilton Notini, gerente de Preços e Índices da ANBIMA.

Os indicadores que acompanham os títulos corporativos também acumularam ganhos em 2018, influenciados pela evolução dos preços das debêntures no mercado. O IDA-Geral (Índice de Debêntures ANBIMA) encerrou o ano com retorno de 9,05% (contra 11,7% em 2017). O IDA IPCA Infraestrutura, que reflete as debêntures incentivadas (regidas pela Lei 12.431), teve variação maior, de 12,5%.

Confira a íntegra do Boletim de Renda Fixa da ANBIMA.

Sobre a ANBIMA

A ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) representa mais de 260 instituições de diversos segmentos. Dentre seus associados, estão bancos comerciais, múltiplos e de investimento, asset managements, corretoras, distribuidoras de valores mobiliários e consultores de investimento. Ao longo de sua história, a Associação construiu um modelo de atuação inovador, exercendo atividades de representação dos interesses do setor; de regulação e supervisão voluntária e privada de seus mercados; de oferta de produtos e serviços que contribuam para o crescimento sustentável dos mercados financeiro e de capitais; e de educação para profissionais de mercado, investidores e sociedade em geral.