Relatório Macro

Relatório Macroeconômico - Fevereiro/17

Na última reunião do Comitê de Acompanhamento Macroeconômico da ANBIMA, realizada em 17 de fevereiro de 2017, o debate foi marcado pela percepção dos analistas de que o baixo dinamismo do nível de atividade e a convergência das expectativas inflacionárias para o centro da meta justificam uma redução significativa da taxa de juros nos próximos meses.

Entretanto, há ceticismo dos economistas de que a queda nos juros possa provocar uma recuperação rápida da economia. Até o momento, os indicadores disponíveis apontam para um crescimento moderado, que não deve provocar uma melhora na renda e no mercado de trabalho no curto e médio prazo.