• Eventos.
  • Imprensa.
  • Fale Conosco.

Notícias

Empresas brasileiras movimentam R$ 100,5 bilhões no mercado de capitais até abril

Volume representa queda de 9% em relação ao mesmo período do ano passado

As empresas brasileiras movimentaram R$ 100,5 bilhões no mercado de capitais entre os meses de janeiro e abril, o que representa queda de 9% em relação ao mesmo intervalo do ano passado. De acordo com o Boletim de Mercado de Capitais, mantendo a base de comparação, o número de operações também caiu de 280 para 189.

Em abril, o primeiro IPO (oferta inicial de ações, na sigla em inglês) deste ano, da Centauro, movimentou R$ 772 milhões, que contribuíram para o saldo de R$ 6,9 bilhões em operações de renda variável. O volume é praticamente o mesmo dos primeiros quatro meses de 2018 (R$ 6,8 bilhões).

As operações de renda fixa somaram R$ 45,8 bilhões, com predominância das debêntures, que levantaram R$ 29,1 bilhões entre janeiro e abril. No mesmo período do ano passado, o total de emissões desse ativo foi de R$ 46,2 bilhões, o que corresponde a queda de 37%. Os CRAs (Certificados de Recebíveis de Agronegócio) avançaram 225%, de R$ 1,2 bilhão para R$ 4,1 bilhões.

Os fundos imobiliários, híbridos entre renda fixa e variável, praticamente dobraram o volume emitido nos primeiros quatro meses de 2018, passando de R$ 4 bilhões para R$ 7,9 bilhões. Esses produtos já representam 13% das emissões no mercado de capitais doméstico do ano. “A demanda pelos fundos imobiliários tem aumentado cada vez mais, com a busca dos investidores pela diversificação das carteiras, o que também tem estimulado a criação de novos produtos”, afirma José Eduardo Laloni, nosso vice-presidente.

Confira a íntegra do Boletim de Mercado de Capitais

Mercado externo

As operações de companhias brasileiras no mercado externo somaram US$ 10,4 bilhões (R$ 39,9 bilhões) nos primeiros quatro meses do ano, sendo US$ 10,1 bilhões (R$ 38,7 bilhões) em emissões de renda fixa e US$ 300 milhões (R$ 1,2 bilhão) em renda variável. O total ficou 7% abaixo do verificado no mesmo período de 2018, quando chegou a US$ 11,2 bilhões.

Receba essa e outras publicações gratuitamente em seu e-mail. Cadastre-se!

Notícias relacionadas

Não foram encontrados resultados para esta consulta.