Certificação

Estabelece princípios e padrões de conduta a serem observados pelos profissionais certificados no desempenho das atividades de prospecção ou venda de produtos de investimento, assessoria aos gerentes de contas de investidores e gestão profissional de recursos de terceiros; dispõe sobre as regras a serem observadas pelas instituições participantes, incluindo a manutenção da certificação de seus profissionais.

Códigos
Documentos Relacionados
Perguntas Frequentes

Não, apenas as instituições que desempenharem qualquer das atividades abarcadas pelo Código de Certificação e forem fiscalizadas pelo Banco Central ou pela Comissão de Valores Mobiliários.

Adicionalmente, as instituições que fazem parte de grupo financeiro ou conglomerado das instituições Participante estarão sujeitas às regras e princípios, desde que desempenhem qualquer das atividades descritas no Código de Certificação.

As regras para o uso do selo são as seguintes: 

a) a Instituição Participante que tiver profissionais certificados pela ANBIMA poderá utilizar cartazes e outros materiais de marketing e de indicação de existência de profissionais certificados em suas agências desde que sejam observados os modelos e padrões definidos pela Associação.

b) o profissional que for classificado como Certificado pela ANBIMA poderá utilizar a designação relativa à certificação obtida, no cartão de visitas ou no curriculum vitae, desde que o faça de acordo com estrita observância das regras e condições estabelecidas pela ANBIMA. 

c) Os cartões de visita dos profissionais certificados que fizerem uso do selo deverão ser confeccionados com estrita observância aos modelos e padrões constantes no manual de uso da marca. Além disso, a fonte de letra a ser utilizada nos referidos cartões de visita para a designação da certificação obtida pelo profissional não poderá ser maior do que a fonte utilizada para o (i) nome do profissional ou (ii) cargo ou função do profissional, ou seja, a designação da certificação obtida não poderá ter mais destaque do que as informações citadas nos itens (i) e (ii) retro. 

O profissional com status de Aprovado não poderá utilizar os selos de certificação.

​Conforme previsto no artigo 46 do Código de Certificação, a taxa é destinada a custear a fiscalização e supervisão do cumprimento das disposições do código.

A taxa será calculada com base no número de profissionais certificados que estiverem vinculados no Banco de Dados da ANBIMA pelas Instituições Participantes em atividades elegíveis. Adicionalmente, o valor da taxa anual será definido na primeira reunião da Diretoria da ANBIMA, no início de cada ano e comunicado por meio de circular.