• Impactos da Covid-19.
  • Conteúdos especiais.
  • Eventos.
  • Fale Conosco.
  • Imprensa.
    Português Português (BR)

Boletim de Fundos de Investimentos

Classe renda fixa registra a maior captação líquida no mês

 

Em setembro, a indústria de fundos apresentou captação líquida de R$ 36,52 bilhões. No ano, o segmento registrou uma captação de R$ 196,35 bilhões. O destaque no período ficou com a classe renda fixa, que teve entrada de recursos líquidos na ordem de R$ 21,25 bilhões, alcançando a marca de R$ 17,89 bilhões em 2020. Mesmo com resultado positivo, essa performance foi comprometida pela volatilidade dos preços em mercado das LFTs no período (veja o Boletim de Renda Fixa), já que esses papéis representam parcela expressiva nas carteiras de renda fixa, sobretudo nos fundos indexados ao DI.

Dentro da classe, o tipo que se destacou no mês foi o renda fixa duração baixa soberano, segundo maior PL (R$ 505,74 bilhões), que captou R$ 16,56 bilhões, alcançando no ano captação de R$ 157,03 bilhões.Classesoficial.png

 

Já a classe multimercados aparece com entrada líquida mensal de R$ 5,18 bilhões, assegurando o melhor resultado do ano entre as classes, com admissão de recursos no total de R$ 81,12 bilhões em 2020. Entre os tipos que constituem as classes, o multimercados livre, segundo maior PL (R$ 502,88 bilhões), destacou-se com ingresso na ordem de R$ 6,06 bilhões e R$ 53,5 bilhões, no mês e no ano, respectivamente.

Multimercadosoficial.png

 

A classe ações registrou entrada líquida de R$ 4,41 bilhões no mês e R$ 66,52 bilhões no acumulado do ano até setembro. O tipo ações livre, maior PL (R$ 217,45 bilhões), destacou-se com a melhor performance no mês e ano apresentando captação líquida de R$ 3,11 bilhões e de R$ 42,65 bilhões, respectivamente.

Na carteira de renda fixa a maior rentabilidade mensal foi do tipo renda fixa dívida externa, que registrou 2,82%. Já na classe multimercados, o tipo multimercados investimento no exterior, apresentou a melhor performance, foi de 0,16% no mês. A respeito da classe ações, todos os tipos exibiram rendimento negativo no mês diante da volatilidade ocorrida no mercado.