• Impactos da Covid-19.
  • Conteúdos especiais.
  • Eventos.
  • Fale Conosco.
  • Imprensa.
    Português Português (BR)

Boletim Renda Fixa

IMA-Geral e IDA-Geral apresentam melhor resultado mensal de 2020

Seguindo a trajetória de recuperação dos preços dos ativos iniciada em abril, o IMA-Geral, que reflete a trajetória dos títulos públicos federais em mercado, e o IDA-Geral, que representa os títulos corporativos em mercado, apresentaram o melhor resultado mensal no ano. Em maio, o primeiro rentabilizou 1,02%, acumulando variação de 0,88% em 2020, e o segundo teve variação de 1,31% no mês, diminuindo a perda no ano para 2,01%.

Os títulos com prazos maiores de vencimento se destacam no período. O IMA-B5+ e IMA-B5 tiveram ganho de 1,02% e 2,12% em maio, e acumulam no ano queda de 7,88% e alta de 2,03%, respectivamente. A rentabilidade do IRF-M1+ foi de 1,92% no mês e de 4,94% no acumulado de 2020.

Entre os índices de prazos menores, o IRF-M1, que reflete os papéis pré-fixados de até um ano, teve retorno de 0,42%, enquanto o IMA-S, que acompanha os títulos pós-fixados, registrou ganho de 0,24%. No ano, eles acumulam alta de 2,31% e 1,5%, nesta ordem.

GF1_RF_202006.png

 

Em relação aos títulos corporativos, representados pela família IDA, todos os subíndices apresentaram o melhor resultado mensal de 2020. O IDA-Geral teve ganho no mês de 1,31%. Dentro daqueles indexados ao IPCA, o IDA-IPCA Ex-Infraestrutura e o IDA-IPCA Infraestrutura apresentaram retorno de 2,04% e 2,27%, respectivamente. Já o IDA-DI encerrou o mês com ganho de 0,78%. Mesmo com resultados positivos pelo segundo mês consecutivo, todos ainda acumulam retorno negativo em 2020.

GF2_RF_202006.png